sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Volta!

Não me lembro se eu tinha pedido por ti, mas você veio.
Logo se foi e ainda sim por mais vezes que o vento batia, você voltava, até que um dia não voltou mais. Será que foi porque não te pedi mais pra voltar?
Então aqui fica o meu pedido:
- Volta, volta, volta pra mim?!

Não, não é uma pergunta, é um pedido!
- Volta!

Nenhum comentário: