Explosion

 E quando se fala sem pensar, sem digerir, sem articular, sem diagnosticar, o dito fica pelo entendido, mas quem diz que foi compreendido?

Aaahhhh, esses sentimentos que explodem pela boca e escorrem pelas palavras. 
Sentimento ampliado pelo movimento do ato. Dar opinião é ter que dar satisfação. E muitas vezes sem compreensão.

Mas mais uma vez aprendi que quando se está com o coração ameno, a alma calma e o pensamento tranquilo, sua opinião não faz mais um furacão. Pois aquela explicação não passa de expiação e a preocupação não pesa mais na sua decisão. Pois como disse, tua mente está aberta, teu coração tranquilo e tua alma confiante.

O trovão tocado passa a ser chuva em noite de verão. E como é bom essa calmaria depois do turbilhão...
Tudo certo, tudo claro, tudo posto e deposto.
E como disse o nosso sábio companheiro de jornada Martin Luther King: "Para criar inimigos não é necessário declarar guerra, basta dizer o que pensa."

E foi assim que conquistei os amigos, os indiferentes e os inimigos. 
C'est la vie!!!

Comentários

Paula Rigato disse…
E a explosão do falar traz estragos ou novas idéias transformadoras, ou apenas dizem o que já foi dito, traz alegria, aceitação, incômodos etc... e revela a natureza de alguns relacionamentos... mas é isso o dito foi dito e ficou pelo dito... o interpretado pode usar o que foi dito como crítica construtiva ou destrutiva, e ainda neutra... e o dito aproximou, neutralizou ou afastou pessoas que se diziam próximas e ali para qualquer acontecimento... incomodou ou calou, conforme a tranquilidade e certeza íntima dos seus dizeres... Como já comprovou Isaac Newton na física: para toda ação há uma reação... E nem sempre estamos preparados para esta reação!!!
Nâna Pessoa disse…
Thanks Bela!!

Volte semmmmmpre...

bbju gde

Postagens mais visitadas deste blog

Entender vs. Compreender

Morte e Doença - Death and Illness

Pay it forward