domingo, 28 de abril de 2013

O que corta a ilusão

"...Não existe saudade mais cortante Que a de um grande amor ausente... Dura feito um diamente Corta a ilusão da gente... Toco a vida prá frente Fingindo não sofrer Mas o peito dormente Espera um bem querer..." by Zé Ramanlho

E esperar o terreno neutro e a paz corrente
A semente penetrar e a chuva cair
A planta nascer e a raíz crescer
A flor nascer e o fruto brotar

 

Nenhum comentário: