"My mind is too strong to carry on."

Por vezes que consigo silenciá-la, por vezes que la mesmo me acalma pois o raciocínio claro acalma a tempestade. Por hora, ela não tem dado conta de silenciar meu coração, minhas preocupações, meus anseios, minhas esperanças e inseguranças.

Pois o que eu vejo não é o que o outro vê... o que o outro vê, nem sempre é o que parece.

E mais uma vez e sempre, "o amor cobre a multidão dos pecados."
"Quem sabe pode muito, quem ama, pode mais."

E sentimos, e falamos, e reclamamos, e discrodamos, e nos desentendemos, mas sempre queremos estar por perto, pois o sentimento de querer, de estar, de buscar, de proteger é maior.

Atacamos, discutimos, ponderamos, argumentamos e nos desconhecemos, mas sempre queremos permanecer juntos, pois o sentimento de estar só, ficar, só, seguir só, é menor.

É sempre o sentimento que comanda no final das contas... seja o egoísmo ou a benevolência, o ódio ou o amor,a humildade ou a arrogância, é sempre o sentimento que dá a resposta final.

Então que seja o amor, a benevolência, a humildade, o amor-próprio, a auto-estima, a esperança.


p.s.: estou triste por me sentir pequena e sem controle das minhas emoções... Pai perdoa!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entender vs. Compreender

Morte e Doença - Death and Illness

Pay it forward