Toques sutilezas e declarações de amor


e aquele que disser que tanto faz o amor que recebe, também reconhece que o maior desejo é ser amado.
mas aquele que recebe amor de qualquer jeito, talvez ainda não sabe que merece ser amado.
e mesmo por tanto briga e discussão, o desejo é sempre um só: querer ser amado.

e aquele que disser que o amor não lhe faz falta é porque nunca foi amado ou que tem medo de amar.
mas aquele que dá amor de qualquer jeito, talvez ainda não saiba ofertar o que há de melhor em si.
e mesmo na dúvida, na incerteza, na insegurança, o desejo é sempre um só: querer ser amado.

e aquele que disser que só aceita se for deste jeito o amor, talvez ainda não tenha aprendido que amar não há regras necessariamente.
mas aquele que não é fexível, se vê mais só, não tolera limites, bobagens, divagações, nem mesmo a própria ilusão de amor.
e mesmo que o amor vença, pois ele sempre vence, há ainda pessoas que não sabem o que fazer com ele, mesmo o desejo sendo sempre um só: querer ser amado.

E dentre toques e sutilezas e declarações de amor, encontramos discussões, grosserias e declarações de amor.

E são seus olhos que me recebem ou me recuam.
É o teu toque que me aquece e me conforta.
É o teu amor que transborda e me protege.
E é sempre, sempre, sempre um só desejo: querer ser amado.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entender vs. Compreender

Morte e Doença - Death and Illness

Pay it forward