Narcisismo

Tantas e mais vezes tem se falado sobre como o mundo tem ficado menor em termos de distância devido a internet e sua velocidade, e nesta mesma proporção, tem se falado em como as pessoas tem ficado cada vez mais frias e superficiais, devido ao mesmo motivo.
E tentando traçar um paralelo as questões existenciais que são os motivos que nos impulsionam na vida, mesmos para aqueles que nada creem. Uma amiga me mandou um texto do escrito Luiz Felipe Pondé. Um texto claro e objetivo para o meu ponto de vista. Fala sobre Narcisismo e em como há nome para tudo hoje em dia. Aqui transcreverei alguns trechos do texto, mas posto o link caso queiram lê-lo por inteiro: http://www1.folha.uol.com.br/colunas/luizfelipeponde/2014/10/1531410-os-cinco-mitos-do-narcisismo.shtml?cmpid=newsfolha

"... e tem gente mesmo dizendo que é melhor ser nacisista porque os neuróticos básicos vivem presos a ilusão bobas de amor e vínculos, e ao mal-estar eterno de não realizar nunca seu desejo plenamente porque temem a moral ...A cultura do narcisismo criou seus mitos de dignidade."

Pois é, como tantas coisas fluíram e caminharam e atingiram espetaculares níveis de desenvolvimento, a moral ficou cada vez mais difícil de ser alcançada. Portanto, seja mitos ou seja verdades, mas sempre desculpas para pessoas que não querem ser incomodadas na sua moral - ou na falta dela - dão nomes, lugares e descrições permissivas de seus comportamentos egoístas. 

"... a evolução estaria justamente no fato de que um miserável afetivo, incapaz de investir afetivamente ou intelectualmente no mundo, passou a ser o sujeito que se sente no direito a ter tudo. Esse sujeito é o tagarela, o bobo falante, das redes sociais."

Ainda que a tecnologia encoberte nossas faces e nos dê coragem em escrever nossas opiniões, ainda é e sempre será a procura da aceitação na sociedade, física ou cibernética. E se nessa atual presença distante é cômoda, por qual motivo sair da cadeira, se não for pelo bel prazer mais do que pessoal!?

"... alguém um pouco mais saudável é capaz de compromisso moral e vínculo afetivo no qual ele mesmo não é a única pessoa importante, coisa de que o narcisista é incapaz, atolado no pesadelo que é ser um "ser autosuficiente"."

"... o narcisista é apenas aquele que foge quando o barco está afundando em nome "de seus direitos"."

"... é também materialista, mimado, agressivo quando criticado e incapaz de vínculo afetivo real..."

E te pergunto: - Quem é que está realmente disposto a se doar a uma sociedade, a uma pessoa, a um determinado projeto, ao qual não se envolva apenas as palavras "EU" e "Meus direitos"?? Comprometimento com a vida é responsabilidade consigo e com os outros. Comprometer que serás feliz, tudo bem, mas em base de que?? E será que assim serás realmente feliz?!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entender vs. Compreender

Morte e Doença - Death and Illness

Pay it forward