Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015
Imagem

Pais e filhos

Imagem
Nascemos, nem sempre de desejos emocionais, mas sempre de desejos carnais.
E crescemos, nem sempre de vontade, mas sempre de obrigação.
E esse percurso passa rápido.
Pais e filhos em uma simbiose constante que mesmo com a morte de um, o elo permanece.
Uma relação existente, sejam pais presentes ou ausentes.
Diversas situações que mesmo dentro de um quadro de ações cômodas constantes, nos leva a inconstância do sentimento. Cutucadas propositais ou inconscientes, geram desconfortos transitórios.
E nessa vida passageira, há momentos eternos que marcam. Hábitos que moram no dia a dia, podem matar atitudes que seriam positivamente modificadoras.

E o que ainda quero dizer sobre tudo isso?

Que pais que foram filhos, acham que podem corrigir o erro de seus pais, agindo de forma antagônica ou apenas de forma diferente. Mas esquecem, que a lista do que precisa ser aprendido, ainda é maior do que a lista do que já foi aprendido. E aí, ainda temos mais erros a cometer.
E não apenas isso, mas a fo…

A Felicidade que dá trabalho.

Há felicidade e felicidade.

Uma é a mãe da loucura e da inconsequência.
A outra é mãe, amiga, irmã, filha, companheira, amante da sabedoria.

Uma apresenta barulho por onde passa.
A outra toca melodias por onde permanece.

Uma trás prejuízo a maioria se não á todos a sua volta.
A outra agrega mesmo aquele que não a percebe.

Uma é fácil de obter.
A outra dá um trabalho que só quem tem sabe.

Uma aparece na mesma velocidade que desaparece.
A outra transgride gerações.

Uma atrai bilhões de pessoas.
A outra... nem sei dizer, mas com certeza são ainda muito poucos os que a perseguem.

Será que me entenderam??
Nestes dias atuais que já percorrem décadas de abuso moral, pessoas, esquecem que a vida segue, que ela sempre segue.

How things used to be simpler at that time...

Imagem
It's such an amazing picture. How it looks sexy and sensual these people sharing their intimacy.
It sounds so natural that I couldn't say it was recording, it's a scene. It just looks two people loving each other, discovering their attraction and giving themselves to it.
The part that he holds her leg into the air...
When her hand passes his buttock and he responds the same.
It's such a moment that hardly exists nowadays between couples, unfortunately...
Quality vs. Quantity: an equation that generally isn't in harmony. Please, please, please, chose quality every now and every then. Respect yourself enough to have things worth to share your wealth.

É preciso saber viver

"It's your responsibility to control the outcome."

You can't control what comes from others, but you can control what you produce.
It's not a piece of cake, but it's worth it.
You have to know yourself pretty good to say how much your peace costs.
Due to that you will find a way to put yourself together and reach inner places to find peace and not war.
Once I've wrote: "If you want peace, prepare yourself for the war." However, this war is not outside, it's not what comes from the others, but you have in you, with you, around you. It's your energy that counts. Your thoughts. Your choices.
And it doesn't matter what happens to you, what people do to you, it matters what you do when they do.
We need to live in society, even if it's a small place, or small family, or small number of friends, it's still people who can act differently enough for a misunderstanding. And it's still on you, your responsibility to control the outcome.
Learn that, and you will have the world.
I only hope that people wou…

Gestos que saem do coração

A mão arruma o cabelo, a alça do sutiã ou limpa o cantinho da boca que estava com sorvete ou maionese.
Aquele toque pelo braço sem pressa e sem angústia, pois conhece a maturidade do sentimento que compartilham.
E talvez o prazer da carne não á apenas o gozar, mas o estar junto, se entregando ao outro, se conectando pelos poros.
E talvez este prazer já havia ocorrido e talvez por isso o toque no seu tempo, a respiração contínua, os olhares recíprocos.
Sorrisos sinceros, daqueles que iluminam o rosto.
E tudo o que normalmente acontece, acontece como em uma dança.
Parceiros se conhecem, se auto-conhecem, se respeitam, se amam, se entregam.
E dali, após terminado aquela refeição, pagaram a conta, ele como um exemplo de cavalheiro, deu passagem, abriu a porta, se deram afora, e ele ainda se mostrando atencioso, pediu o taxi para ela. Ali, aos olhos de todos, se despediram com um beijo simples, de intimidade de casal, mas ao mesmo tempo cheio de carinho, afeto e confiança que ela iria embora pens…

Losing yourself

It says that responsability is boring and freeing yourself from it can be a real pleasure.
But how much of "freedom" is possible to have while life expects so much from you?
And I think that everyone is f***** in so many ways that once in a while is part of the game to lose yourself.
I still just hate when I think that I couldn't accomplished again being the person I'd love to. Especially with people close to me. Especially with men who share lives with me. And I'm questioning myself if I only hate the situation or the person as well... not goooooood! Shame of me.
Anyway, no excuses, I'm not here to ride or maybe not just to ride, but to grow and keep going until reaching my underestimate goals.
Please, don't let me down.
Please, don't hold me down.
Please, let my wings fly.


Merely a consequence

"Sowing is always no doubt what matters. Harvesting is merely a consequence."

"Conhece-te a ti mesmo."

E não se assustes, deixe o teu todo ser reconhecido e fazer parte de ti.

Das diversas explicações desta máxima, uma me chamou mais a atenção: 
"Conhece a ti mesmo, então, não presuma Deus para fazer a varredura, o estudo adequado da humanidade é o homem." by Alexander Pope

e entre as linhas me achei... "o provérbio é aplicado àqueles que tentam ultrapassar o que são,ou ainda um aviso para não prestar atenção à opinião da multidão."

E em todos os momentos é sempre este, conhecer a mim mesma, reconhecer quem sou, a imagem que passo (se ainda me importar com a opinião alheia :-/), o que desejo, aonde quero chegar e escolher meus passos.

O bem e o mal moram em mim. Assim como a luz e a sombra. 
Dois lados que ainda existem na proporção da necessidade do equilíbrio. No instante ao qual aprendo a me harmonizar e equilibrar com a força maior, ai sim, já não serei mais metade de dois, serei inteira do que vale, do que move, do que constrói, do que evoluí, do que resolve, do que …

Quando o amor dói...

Há muitas coisas sobre o amor.
Suas formas diversas, histórias de conquista, de desapego, de frustração, de decepção.
Fala-se sobre o amor que é confundido com paixão.
Do amor que é de verdade e para sempre.
Alguns falam em como é bom amar e ser amado.
Outros fala de suas dores.
E sim, amor verdadeiro também dói.
Dói quando a pessoa que nos ama tenta nos ajudar e mesmo sendo amado e amando, não conseguimos ofertar isso... para mim é aí que o amor dói. Pessoas que se amam (de verdade!rs), mas que por imaturidade de uma das partes não consegue receber a ajuda ou se sente limitado por não poder dar a felicidade que o outro merece.
E lá vamos com o tempo...
Pois é o tempo conhecedor de nossos mais íntimos problemas, desejos, sonhos, realizações.
Vamos dar as mãos ao tempo.
Marcar nossos papos com o tempo.
Unir nossas energias (POSITIVAS) com o tempo.
E logo, em breve, ali, virando a esquina, o amor não irá doer mais.
Pelo menos por enquanto.

Memória do coração

Imagem
que marca
que lembra
que sente
que cutuca
que repassa
que me faz sorrir
que me faz sentir saudades
que me torna mais leve
que me traz boas recordações
que por hora me fez desejar te ver de novo...
mas se for para ferir a outrem, deixe para depois.

e o que mais amei durante o pouco tempo que dividimos nossos momentos, mais uma vez coloco na voz do IRA!

"De todo o meu passado
Boas e más recordações
Quero viver meu presente
E lembrar tudo depois... Nessa vida passageira
Eu sou eu, você é você
Isso é o que mais me agrada
Isso é o que me faz dizer... Que vejo flores em você!..." Pra ti MAO.


Momentos

Há momentos na vida que fazemos uma varredura de coisas.
As vezes é apenas material, outras emocional, outras vezes física.
Ainda que possamos teimar em manter algo ou alguém em nossas vidas, é dado momento de apenas concluir o passo, ao qual cada um que já segue seu caminho, diga adeus. Por vezes que isso acontece de forma consciente e tranquila, por outras inconsciente e tranquila, mas por vezes há remorso, há luta, há dificuldade em largar o que nem mesmo está preso. E eu tenho esta dificuldade em apenas largar o que nem mais está comigo. Temo que ao abrir mão do presente que não quero, acabe levando consigo o passado que me agradou. 
Mas é dado este momento. Talvez até mesmo por uma seleção natural de acontecimentos, de evolução, de desenvolvimento pessoal. Mas é dado este momento ao qual creio que deixei se prorrogar na tentativa de que pudesse estar errada. Mas não estou e já não posso mais enganar mais a minha mente. Meu coração clama, minha alma já vem me avisando há algum tempo.…

Nas palavras de outrém

"Unexpected intrusions of beauty. This is what life is." by Saul Bellow