terça-feira, 7 de abril de 2015


Eu já havia caminhado muitas milhas antes de ti... e hoje já caminhei ainda mais.
E ainda que traga uma pontinha de orgulho e inveja no peito, entre minhas palavras estão o obrigado pelo tempo que passou. Afinal, foi a escolha em estar contigo que me pôs aonde estou hoje. E estou tão bem... mas veja, não significa que você tenha sido essencial, mas importante, pois acelerou este processo que já estava em andamento. Por que sei disso?! Pois minha alma é livre, sempre foi. Apenas não tinha a coragem suficiente em assumir isso. Um caminho que já estava aberto, um caminho ao qual eu já havia percorrido muitas milhas, um caminho ao qual venho construindo antes mesmo de você nascer. Que bom que seguimos nossos caminhos. Mágoas nem sempre perdurarão... até lá, o meu muito obrigada.

Nenhum comentário: