Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

Lets talk?...

Imagem
Lets say that it would be possible to talk through our minds and hearts where words are said but not pronunciated. 
A time that people are not interrupted and not misunderstood... too good to be true.

Yes! Utopia you would state. Definetely... a world far beyond from where we are at this moment.
This is why I'm happy with what I've got among family nowadays. I can't say that it's perfect but it's much better from what most people have. Besides what I've been spread and gathered. It's worth it, every effort. Unfortunately, we sometimes forget about it and leave for the moment. Well, not so me so much anymore.

Anyway, lets keep our heah ahead to what matters and keep on track.

I stand for it.

Lets talk and see where we go.

Would that help?

In the middle of a crisis what do we do?
In the middle of a hard decidion what do we do?
In the middle of a war what do we do?

We are concerned, desperated...
Would that help?

Stand for what you believe, fight for your rights, wait for the time coming.
And if the despair ask to enter, let it know that it's not welcome.

Saudades

em escrever mas não da vida que passava.

Outro dia visitando uma amiga, papeávamos e pontuei que algumas pessoas entre nosso grupo haviam se distanciado. E aí ela me ponderou um fato óbvio: é porque eles estão bem!

E de certo é... assim como eu e como você. Temos a tendência em procurar as pessoas quando não estamos muito bem. Claro que há aquelas que se fecham e não procuram os amigos. Mas ali entre nós, é bem isto rsrs e o engraçado é que vejo de forma um pouco diferente, pois acho que se o amigo te serviu para ouvir suas lamúrias e te dar apoio, que seja também para dividir sua felicidade. Enfim, ainda aprendendo a respeitar cada qual com sua opinião e ação.

Mas passei por aqui por saudades em teclar.
A cabeça ainda borbulha, menos que antes, mas com mais conteúdo que antes.
A vida preenchida faz isso, coloca ponderações simples e completas. Ela não complica, simplifica.


Schopenhauer

Passando pelo blog de uma amiga (se assim posso dizer), me apresentou Schopenhauer... e assim o reproduzo.
"Estar apaixonado sempre traz para a pessoa fenômenos cômicos em meios também aos trágicos; e ambos porque a pessoa apaixonada , possuída pelo espírito da espécie (instinto), passa a ser dominada por esse espírito e não pertence mais a si própria."
"A religião pode ser comparada a alguém que pega um cego pela mão e o guia, pois este é incapaz de enxergar por si próprio, tendo como preocupação chegar ao seu destino, não olhar tudo pelo caminho."
"Talento é acertar um alvo que ninguém acerta. Genialidade é acertar um alvo que ninguém vê."
Schopenhauer