Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016
Imagem
"... Eugênio tinha pena do pai e se odiava a si mesmo porque não era com esse sentimentos de simples piedade que ele podia pagar por toda aquela vida de dedicação e silencioso amor à sua pessoa. Por que não perdia o maldito espírito de crítica que o fazia sentir com tão irritante agudeza o que o pai tinha de desagradável e inferior? ... No entanto coisas infinitamente mais fáceis ficavam além das suas forças. Ele queria simplesmente aceitar a sua gente, mas aceitá-la com naturalidade, sem forçar a própria natureza. Através da aceitação talvez pudesse amá-la um dia. Ângelo bem merecia esse amor."

Érico Veríssimo - Olhai os lírios do campo
"Em algum determinado momento  todos temos que  exercer diferentes papéis."

ABANDONE

Primeira abandone seu corpo sobre o chão.
Abandone seus membros, seu tronco, seus músculos, cabeça e até mesmo a sua mente.

Sinta uma névoa se aproximar lentamente e adentrar por seus poros, como em uma fusão química de ares e células. Deixe esta névoa penetrar em seus órgãos, em seus ossos, na sua mente, em sua pele. Favorecendo o equilíbrio físico do seu ser.

Neste momento, abandone até mesmo seus pensamentos, abandone desejos, abandone mágoas, abandone chateações, abandone medos, abandone preconceitos, abandone culpas... entregue-se por completo a este abandono.

Sinta-se leve e em harmonia com o universo.
Sinta-se parte do todo, da criação divina.

Respire profundamente e agradeça por mais este dia.
Volte gradativamente a sua rotina, mas não permita que outros tirem a sua paz.
Tente permanecer com o mínimo que for com o pensamento desta névoa positiva e harmoniosa contigo.

__________________________________________________________________________

Trabalho de energia e fluidos respon…

O que você realmente quer?

Entender?
Aprender?
Não mais sofrer?

Difícil falar em ensinamentos, sem falar em religião. Vamos tentar deixar isso em aberto, até mesmo, pouco ali conectar.
Imagine que em um determinado momento (ou alguns) você se depare com uma pessoa que lhe pareça difícil, que lhe faça sentir repulsa, que lhe cause inquietação de algum modo e grau.
Uma opção: procurar não ter nenhum, zero, niente contato com esta pessoa.
Normalmente isso não é possível. E quando o é, logo mais ali adiante se depara com uma outra pessoa parecida com esta e aí vai ficar sempre fugindo!?? É ainda uma opção!
Maaaaassss vamos tentar melhorar as ações para que não tenhamos a preocupação de quem é que iremos encontrar ao dobrar a esquina.
Segunda opção: avaliar o que tenho e posso aprender com este momento? o que me falta em conhecimento para que eu evite me sentir assim? será que esta pessoa age desta forma para me atacar ou para se defender? será que age assim com todos a sua volta porque é assim o seu movimento peran…

O que é conselho? E ele é bom?

Quando que um conselho é bom ou crítica é boa? Quando seu coração for seguro o suficiente para diagnosticar que quando a fala é sincera na bondade, não é um ataque e se feito por maldade, seu coração não ligar para o que falam. Ou seja, será que é bom? Quando estamos sem amarras, sim, é muito bom... mas quando vem de quem nos enxerga, quem "separa o joio do trigo".
E meso que atinja apenas a um coração, que o faça se sentir mais leve, as outras bordoadas terão valido a pena...
"Os problemas nunca vão desaparecer, mesmo na mais bela existência. Problemas existem para serem resolvidos e não para perturbar-nos."
"Nossos maiores problemas não estão nos obstáculos do caminho, mas na escolha da direção errada."
Que sejam válidos como o ar que respiramos, que sejam fortes como a água que precisamos. Mas acima de tudo que sejamos abençoados por Deus é nós mesmos.

Ordem do dia:

Comunhão.
Que possamos trabalhar a tolerância para que seja conquistada a paciência. Que possamos trabalhar a fala para que seja conquistada a comunicação. Que possamos trabalhar a indulgência para que seja conquistada a humildade. Que possamos trabalhar a ócio para que seja conquistada a servidão. Que possamos trabalhar o perdão para que seja conquistado o amor.
Não necessariamente neste ordem, mas que seja tudo junto, pois na falta de um, ficamos manco, ou surdo, ou cego, ou mudo.
E saiba, o mundo não pára, não pára mesmo nem um dia, nem uma hora, nem um minuto para que possamos nos arrumar.
Aprenda a pegar fôlego durante o giro da Terra, o balançar do rio.
"O tempo não pára."
E lembremos que os dias que tudo foi bem e "normal", agradeçamos também. Pois o regular é a manutenção do dia a dia dentro de nossas conquistas pessoais.