Orar pelos Desafetos - Pray for Enemies

Português:
"(...) e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem (...)." Mateus, 5:44

Orar pelos desafetos, excelente recurso de autoamor.
Você dirá que não consegue ou alegará que eles não merecem isso de você depois da ofensa, da indiferença e da humilhação que lhe impuseram.
Pense um pouco. Principalmente você que já tem os roteiros de paz do Evangelho. Você estará beneficiando não somente aqueles com os quais não tem afinidade, quando se recolher no clima da oração sincera.
Em verdade, as mentalizações da prece aliviam, asseiam e fortalecem você mesmo, livrando-o do visco pegajoso dos pensamentos de vingança e desentendimento que brotam na mente, em razão dos maus sentimentos.
A prece pelos inimigos é pílula de juventude e saúde, considerando que, ao asilar a mágoa e o ódio no coração, você permite a formação de campos psíquicos para a dor e a "morte espiritual".
Fortifique-se na oração, suplique amparo para os desafios e verás o quanto obterás, antes de tudo, em seu próprio bem.

Comentário: Nada mais afirmativo estas palavras... perante um momento de desavenças indesejáveis, encontramos inimigos que sem muita explicação aparente, dificultam os caminhos propositalmente. E de fato não precisamos entender para fazer a nossa parte: orar, elevar nossos pensamentos, vibrar por nós e pelos outros, e continuar na nossa caminhada na seara de Jesus.

English version:
"(...) And pray for those who mistreat you and persecute you (...)." Matthew 5:44

Pray for enemies, it is an excellent feature of self love.
You will say you can't it or will claim that they do not deserve this from you after the offense, indifference and humiliation they imposed on you.
Think about it. Mostly you who already have scripts peace of the Gospel. You will benefit not only those who has no affinity with you, when you retract yourself in the sincere environment of prayer.
In fact, the mentalizations of prayer ease and strengthen yourself, freeing you from the sticky mistletoe from thoughts of revenge and misunderstanding that spring in mind, because of the bad feelings.
The prayer for enemies is pill of youth and health, whereas the asylum grief and hatred in the heart, you allow the formation of psychic fields for pain and "spiritual death."
Secure youself in prayer, supplicate support for the challenges and see how much you will get, first of all, in your own good.

Comment: So true these words... facing a moment of undesirable disagreements, we find enemies without much apparent reason, give us a hard time on purpose. And in fact we do not have to understand to do our part: pray, raising our thoughts vibrate for us and others, and continue on our journey with Jesus.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entender vs. Compreender

Morte e Doença - Death and Illness

Pay it forward